• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Parceiros
  • Resenhas
  • Contato
  • Os Pilares da Terra – Ken Follett - Editora Rocco!








    A história se passa na Inglaterra do Século XII, durante um período conhecido como A Anarquia, o único filho legitimo do rei Henrique I morre em um acidente no trágico naufrágio do navio White Ship, o rei agora desolado se encontra sem um herdeiro homem para substituí-lo no trono, a única herdeira legal ao poder, caso o soberano morra é Matilde que também é sua filha, mas por ser mulher e apenas uma criança, ainda não pode assumir o trono. Assim vamos acompanhar o que aconteceu depois desse acontecimento do período de 1135 a 1174, onde a disputa que se seguiu pelo direito ao trono mergulhou o país em décadas de guerra civil, incerteza e injustiça, em meio a tudo isso temos como pano de fundo a construção da catedral de Kingsbridge.

    “Na noite de 25 de novembro de 1120, o White Ship partiu para a Inglaterra e afundou na costa de Barfleur com toda a tripulação menos um homem...A embarcação era a última palavra em transporte marítimo, equipada com todos os recursos à disposição dos construtores navais daquele tempo....A notoriedade desse naufrágio deve-se ao grande número de pessoas notáveis a bordo; além do filho herdeiro do rei, havia dois bastardos reais, diversos condes e barões, e a maioria da família real....Seu significado histórico é que deixou Henrique sem um herdeiro evidente...Sua consequência final foi a sucessão disputada e o período de anaruia que se seguia à morte de Henrique”. Página 7.
    Mas doze anos antes, no ano de 1123, onde inicia a história do livro, temos o enforcamento de um homem em uma praça pública pelo roubo de um cálice valioso em uma igreja, o ato ocorreu diante de sua jovem mulher grávida, ela lançou uma maldição ao padre, ao monge e ao cavaleiro que mataram o seu amor, deixando todos aterrorizados, a jovem mulher alega sua inocência e esse mistério vai permanecer até o final da história.
    Assim vamos acompanhar a história de alguns protagonistas principais, Tom Construtor, ele é casado com Agnes, a qual considera sua alma- gêmea, e têm dois filhos, Alfred de quatorze anos e Martha, de sete, Tom estava construindo uma casa para Lorde Percy Hamleigh, um homem muito rico, pai de William, noivo de Aliena, filha do Conde de Shiring, mas a moça rompe o noivado, assim a construção da casa não é mais necessária. Agora Tom viaja pelas estradas com sua mulher grávida e seus dois filhos desesperado em busca de emprego, sem conseguir nada vive de caridade para conseguir comida. Sua situação só fica pior quando a mulher morre durante o parto e ele tem abandonar seu filho recém-nascido. Tom desolado e ainda em busca de emprego acaba conhecendo Ellen e seu filho Jack de 11 anos, que moram na floresta e acaba se apaixonando por ela, Ellen é uma mulher muito bonita, independente e de um temperamento difícil, ela também guarda um grande segredo, seu filho Jack foi criado na floresta e é órfão de pai, é muito tímido só que extremamente inteligente.
    Aliena é uma linda garota, filha do conde Bartholomew, ela perde tudo quando seu pai é a acusado de traição e morto, assim ela passa a lutar para recuperar sua herança e tornar o irmão Richard um cavaleiro do rei, mas sua jornada não será fácil, pois William por quem não quis casar não lhe dará paz.  William Hamleigh é um jovem lorde ambicioso e completamente psicopata, que tem complexo de grandeza e só pensa em poder, ele está disposto a tudo para consegui-lo, William vê a honra de sua família ser arrastada pela lama após a recusa de Aliena, mas não vai descansar em quando não se vingar e conseguir o que deseja.
    Philip é um jovem monge que consegue um cargo precocemente de prior da catedral de Kingsbridge, que era mal administrada e precisava ser reerguida, Philip é muito integro, cujo único desejo é honrar a Deus, é muito inteligente, tem uma fé inabalável e espera obter sucesso nessa nova empreitada, mais vai enfrentar uma enorme oposição dentro da própria instituição católica. Waleran Bigod é o bispo de kingsbridge, é um homem ganancioso, corrupto, astuto e sem escrúpulos, que busca enriquecimento próprio de forma ilícita, ele vai fazer de tudo para que o prior Philip não obtenha o sucesso em sua empreitada.
    O autor Ken Follett escreveu um livro de muitas histórias que se entrelaçam, a narrativa é incrível que nos envolve e surpreende com uma sua riqueza de detalhes, a narrativa é em terceira pessoa, e acontece em torno da construção da catedral de Kingsbridge e tem variações de acordo com o ponto de vista de vários personagens incríveis, além dos que já foram citados, e belas descrições de uma época histórica bastante conturbada.
    A trama é muito bem elaborada e envolvente com cenas de ação, estrupo e assassinato, não faltam aventuras, mistérios e claro um bom romance, a história consegue comover, empolgar e revoltar, apesar de em certos momentos ser muito detalhista prender a atenção do leitor, não faltam jogos de poder, reviravoltas e conspirações, um romance histórico inesquecível.











    Segue abaixo a sinopse do livro:










    Sinopse: Os Pilares da Terra – Ken Follett








    Após vinte anos da primeira edição do livro "Os Pilares da Terra" chegar ao país em dois volumes, a editora Rocco lança em 2012, em volume único de capa dura, o premiado livro do autor Ken Follett. Um mergulho na Inglaterra do século XII e na construção minuciosa de uma catedral gótica. Emocionante, complexo, pontilhado de coloridos detalhes históricos, "Os Pilares da Terra" traça o painel de um tempo conturbado, varrido por conspirações, jogos intrincados de poder, violência e surgimento de uma nova ordem social e cultural. A figura que melhor expressa os ideais que inspiraram Ken Follett a escrever este livro é Philip, prior de Kingsbridge, um homem que luta contra tudo e todos para construir um templo grandioso a Deus. Mas a galeria de personagens que gravitam em torno da catedral inclui Aliena, a bela herdeira banida de suas terras, Jack, seu amante, Tom, o construtor, William o cavaleiro boçal, e Waleran, o bispo capaz de tudo para pavimentar seu caminho até o lugar do Papa, em Roma. Como painel de fundo, uma Inglaterra sacudida por lutas entre os sucessores prováveis ao trono que Henrique I deixou sem descendentes. Épico que consegue captar simultaneamente o que acontece nos castelos, feiras, florestas e igrejas, "Os Pilares da Terra" é a recriação magistral de uma época que nossa imaginação não quer esquecer.








    13 comentários :

    1. Oi Marcos,
      Tenho muita vontade de assistir a série que fizeram, não sabia que havia o livro por aqui. Que bacana. E parece meio pesadinho no nível de GoT :o

      até mais,
      Nana - Canto Cultzíneo

      ResponderExcluir
    2. Gostei da resenha Marco. Me pareceu servuma trama bem intrigante e bem escrita. Abraço!

      www.newsnessa.com

      ResponderExcluir
    3. Ola,
      Um amigo meu estava lendo esse livro e lembro dele ser bem grande, pelo que ele comentou a história era muito boa, e lendo sua resenha realmente vejo que deve ser verdade. Apesar de livros assim acabarem sendo sempre meio detalhistas demais, parece valer a pena por todo o conteúdo que ele traz. Se puder quero conhecer melhor.
      Beijos
      Raquel Machado
      Leitura Kriativa
      http://leiturakriativa.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    4. Eu tenho loucura pra ler este livro!! Tinha medo de não curtir por ser muito grande, geralmente eu não consigo terminar livros grandes... Tenho TOC, e algumas vezes ler livros que demandam tempo me causam crises de ansiedade... enfim... o livro tem que me prender demais para que eu consiga terminar. E parece que este é o caso!

      Adorei a resenha!!

      Bjks

      ResponderExcluir
    5. Oie, tudo bem?
      É uma ótima série de livros, inclusive tem a série, que também é muito boa!
      Blog Entrelinhas

      ResponderExcluir
    6. Bom saber que o livro é recheado de elementos fortíssimos e que prende o leitor. Porque realmente amo Ken Follett, mas nunca mais li os livros dele.

      Beijos,
      Naty
      http://www.revelandosentimentos.com.br

      ResponderExcluir
    7. Hum...parece um livro bem interessante. Não tinha ouvido falar dele, mas vou adorar ler. GOsto muito de tramas com ação e aventura.
      Beijos,
      Monólogo de Julieta

      ResponderExcluir
    8. Oi Marco,
      Ainda não tive uma oportunidade de ler nada do autor, mas acho interessante a forma como ele mistura ficção e realidade. Ótima resenha!!!

      *bye*
      Marla
      https://loucaporromances.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    9. Oi Marco, tudo bem?
      Não sabia que a Rocco tinha publicado um livro do autor também. Já me apaixonei só pela capa. E que enredo foi esse??? Já quero!!! Adorei sua resenha!!!
      beijinhos.
      cila.
      http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    10. Adorei a resenha e estou muito ansiosa pra ler o livro. Já entrou na minha wishlist haha

      ResponderExcluir
    11. Ai meu Deus, mais um estilo de livro que acho que nao gosto, se já não me chama atenção os filmes, que dirá livros que sao ricos em detalhes, personagens e acontecimentos, acho que meu deficit de atenção vai enlouquecer se eu ler essa obra.

      ResponderExcluir
    12. Eu ainda não tive a oportunidade de ler este trabalho do autor, mas tive a grande oportunidade de ver a série inteira!!!E adorei!
      É um estilo que gosto muito, medieval, com trejeitos, jeitos e afins daquela época.
      Super vale a pena!
      Se tiver oportunidade, quero muito ler os livros também.
      Beijo

      ResponderExcluir
    13. Confesso que não curto o gênero, porém os fãs de game of thrones devem gostar bastante creio eu pois parece levar um pouco para o lado do mesmo né

      ResponderExcluir